BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

Keep Going!

quarta-feira, 24 de março de 2010

Are you there, God? Can you hear me?


Ontem eu acabei por surtar. Obviamente, como acabam meus surtos, mandei um email a ele. Certamente falei algo que não devia, mas certamente eu não devia nem mandar esses emails.
Perdi a hora de ir pra aula (fuck! Nem podia mais perder essa aula, mas não foi uma decisão consciente, quando acordei, já era tarde) e resolvi matar o resto das aulas. Levantei, peguei o notebook e fui ver se tinha resposta. É um procedimento padrão meu, ainda que burro - o que ele poderia responder? Que sente muito, que não quer me ver assim? Ah, espera, isso é o que eu queria que ele dissesse. Mas acho que se ele tivesse feito tudo q eu fiz, e fosse ele a me amar e não o contrário, seria igual. Eu também chegaria num ponto que não responderia mais.
Não, mentira, eu responderia, mas afinal, ele é uma pessoa diferente. Acho q no mundo dele é assim, rs.
Até pq, se fosse eu, ainda responderia por um motivo egoísta. Responderia pq não suporto que alguém deixe de me amar (como foi o caso). Posso não amar de volta, mas preciso ser amada, necessária, preciso ser merecedora de amor.
Agora ele está ali no msn, depois de muito tempo sem aparecer, com status ocupado e lógico que não vou falar com ele. Nem ele comigo. Pq eu ainda tenho ele ali?
Bom, na verdade se trata de.... saber que não foi tudo uma ilusão. Saber q ele existe. Mesmo q eu tenho montado coisas sobre ele dentro da minha cabebeça, teve uma razão, um gerador, então sim, eu preciso lembrar que ele existiu na minha vida.
What i'm i supposed to do? Eu devia ir falar com ele? Devia implorar perdão por tudo de ruim que fiz e que, por favor, ele volte a me amar como antes, mesmo que fosse só como irmã?
Não, não vou fazer isso, mas é o que eu gostaria de fazer.
E essa vai ser a primeira vez que vou sair do msn sem falar com ele, e vou sentir que definitivamente nossas vidas foram pra lados diferentes, que não há volta e vou querer definitivamente morrer.
Drama Queen. =/ Mas é a verdade.

Tenho tentado controlar o que como, juro que tenho. Mas quando chega a noite estou com tanta fome! Eu vou tentar ir dormir mais cedo, mas é dificil pra mim. Aqueles momentos entre o sono e a vigília me matam. E raramente eu consigo efetivamente dormir, geralmente eu fico rolando de um lado pra outro. Isso seria bom até pra eu acordar no horário, ir pra aula e parar de pensar besteira.
(Vcs não sabem como é dificil saber q ele está ali e não falar com ele...)
A balança pulou pra 59kg no fim de semana!!!! Agora está voltando aos 55kg. Eu sei que me pesar logo depois de comer não ajuda, mas quem tem essa fixação sabe que não adianta falar. A balança está ali e eu me peso o tempo todo, por mais apavorante que me seja ver o resultado. As vezes eu subo e desço da balança várias vezes, esperando que tenha marcado errado, mas geralmente está certo.
Tenho me sentido muito mal, mas não sei do que exatamente. Tomei laxante anteontem e miei ontem, mas fora isso, não tenho feito nenhuma agressão ao meu corpo (ah, e teve cortes esses dias...) Bom, nada que justifique meu mal estar extremo. E antes q me aconselhem a ir ao médico, digo: não tenho plano de saúde e quem depende de SUS sabe como é. Ficar seis horas sentada pra vir um palhaço com diploma de médico te olhar de cara feia, dizer q vc está com virose e que não, você não pode ter atestado. Não, obrigado, tomo remédio em casa.
Eu sinto que depois do meu coração ser esmagado e me abandonar, todo o resto de mim está indo. Sério. Cada dia minha coordenação motora diminui, minha capacidade de escrita, de raciocínio; me sinto em um episódio de House, em que as coisas mais bizarras começam a acontecer com um paciente que tem uma doença terminal
Oh, I wish. Mas duvido que tenha essa sorte, é só bizarrice mesmo.

Vou ficar por aqui. Precisava por essas coisas pra fora - e esse talvez seja o motivo de eu continuar procurando ele, pra por pra fora e ver se isso sai de dentro de mim. Sinto dizer que não tem adiantado muito. Okay, não tem adiantado nada.
Talvez, depois de amanhã, acabe meu inferno astral...

Bjos and keep strong.

6 comentários:

Anna Williams disse...

Eu queria ter as palavras corretas para te dizer , mas não tenho. Espero que Deus esteja te ouvindo e que te dê o apoio que você merece. Deus vai te mandar algum sinal.

Love disse...

Oi amore... Não sei o q dizer... este tipo de amor que sente so te maltrata... Tomara q vc se cure disso também...

... não sei o q dizer... Desculpe-me.

beijos

Gàbsi Antonelli disse...

Eu não gosto de me meter na vida emocional de ninguém, muito menos quando não conheço a pessoa. Mas uma coisa é certa: quanto mais vc ficar "aparecendo" pra ele, seja por email, msn, telegone ou pessoalmente, mais distante ele ficará de vc, pq não vai ter tempo nem de sentir falta.
Brigada por me visitar e desculpa a minha sinceridade

")

ThinPrincessC disse...

estou preocupada..

enqto li imaginava.m na mma situaçao, o meu namorado online i nos sem falarmos..parece.m impossivel, i s acontecer axo q m vou sentir exactamente cm tu..

mas vamos fazer o q? lamentar o passado? NÃO, tens q ser forte. tenho q certeza q o es..i eu acredito em ti!

beijoo

Roxy disse...

Juro que na parte em que vc diz "que tentou controlar o que come durante estes dias mas a noite come feito louca" (não foi bem com estas palavras mas, well...)
Eu ando assim tbm, fico sem comer o dia inteirinho ( detalhe: sem sentir fome alguma) mas chefa a noite.! Oh shiiiiittttt.!!! Como feito uma baleia Orca --'


Ówn amor... fique tranquila, masi cedo ou mais tarde, vc irá esquecê-lo.

Fique bem amor.
Precisando, eu estou aqui ")



Kisses, Roxy. ♥

Butterfly Blue disse...

Ai querida.....fica bem...essa dor vai passar...
Bjao